Uma pedrinha para cada lembrança gostosa

img_7176

“E, tomada pela maresia, vagou pelo prazer dos sabores e dos cheiros que desde sempre habitaram a cozinha. Rodopiou pela sala a alegria das festas, depois sobrevoou o telhado da casa, reconstruído em mutirão com os vizinhos, quando uma chuva de pedra desabou num verão longínquo.”

O excerto acima saiu do livro infantil O Jarro de Memória, mais especificamente do momento da história em que a menina Laurinha já não é menina: é dona Laura, velhinha e vovó, que acaba de ver espatifar no chão o jarro em que guardava pedrinhas, cada uma delas para cada uma das lembranças de sua longa vida.

O livro do escritor e roteirista Claudio Galperin (que assinou, entre outros, o roteiro do filme O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias, de 2006) foi lançado pela extinta Cosac Naify em 2005. Ele trata das memórias que, como pedrinhas em um jarro, vamos acumulando ao longo da vida e dos “portais” que criamos para acessá-las – um deles parece existir em meio aos cheiros e sabores de toda cozinha… As ilustrações são da designer Laura Teixeira, que usou apenas caneta esferográfica e grafite para dar vida à bonita história.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s